Brasil produziu mais de 225 milhões de litros de cachaça no ano passado

CIDADE SITE cachaça

O Brasil alcançou um marco significativo na produção de cachaça no ano passado, conforme dados divulgados pelo Ministério da Agricultura e Pecuária. De acordo com a mais recente edição do Anuário da Cachaça, o país produziu mais de 225 milhões e 200 mil litros da bebida destilada em 2023.

O relatório também revela que o Brasil possui 1.217 cachaçarias registradas, distribuídas por todo o território nacional. Minas Gerais lidera como o estado com o maior número de estabelecimentos, totalizando 504 cachaçarias. São Paulo e Espírito Santo seguem na sequência, com 179 e 81 cachaçarias registradas, respectivamente.

Em termos de diversidade, o Brasil contabilizou mais de 10.500 marcas diferentes de cachaça registradas no ano passado, evidenciando a rica variedade e o mercado vibrante da bebida no país.

Apesar de uma leve redução de 7,5% no volume de cachaça exportada em comparação com o ano anterior, o Brasil enviou um total de 8.618.832 litros da bebida para outros países em 2023. O Paraguai emergiu como o principal destino das exportações brasileiras, superando a Alemanha, que liderava em 2022. Os Estados Unidos, Portugal e França completam o grupo dos cinco maiores importadores de cachaça brasileira no último ano.

Com isso, a cachaça brasileira continua a solidificar sua posição como uma bebida de destaque não apenas no mercado interno, mas também como uma importante exportação para diversos países ao redor do mundo.

Compartilhe

Outras publicações

0%